Entenda: O que é Ceratocone? Já pensou parar de enxergar de uma hora para outra?

Ceratocone

 Desvendamos para vocês: O que é Ceratocone?

Não é raro ouvirmos relatos de pacientes que foram diagnosticados com o Ceratocone ainda bem jovens ou final da adolescência. Às vezes por vergonha, não procuram ajuda e deixam o quadro se agravar. A doença afeta diretamente a qualidade de vida dos pacientes, pois de uma hora para a há uma progressiva perda da visão.

O que é Ceratocone? Entenda sobre sintomas, causas, diagnóstico e tratamento

Córnea Normal versus com Ceratocone

O Ceratocone deixa a Córnea “troncha” e deformada, como um cone. Daí o nome da doença, derivado do grego: [“Kerato” = chifre; “Konos” = cone]

Principais Sintomas

O nome “Ceratocone” deriva do grego [“Kerato” = chifre; “Konos” = cone], justamente pela deformidade que causa na córnea. Essa deformidade, que é degenerativa e progressiva, faz com que os pacientes percam e muito em qualidade de vida. Já imaginou de uma hora para outra não poder enxergar nada a sua frente ou de longe?

Sintomas mais comuns: visão borrada e distorcida, aumento expressivo do grau de astigmatismo;
Outros sintomas: visão dupla ou várias imagens de um mesmo objeto;

Causas, Fatores Influenciadores e Diagnóstico

O Ceratocone ainda não tem suas causas completamente desvendadas pela ciência. Apesar disso, acredita-se que o surgimento dessa doença tem a ver com hábito de coçar os olhos constantemente e processos alérgicos, além de predisposição genética.

O Ceratocone muitas vez assusta, pois na maioria dos casos é uma doença progressiva e evolui rapidamente! Sim, a doença pode levar o paciente à cegueira se não for tratada corretamente e não tiver o acompanhamento especializado de um oftalmologista. em geral, as fases são:
o paciente começa a trocar rapidamente o grau de astigmatismo
rápida perda da visão para longe (evolução da miopia)
borrões e distorções das imagens

Tratamento e Lentes Esclerais

Ao contrário gelatinosas, as lentes esclerais são rígidas e apropriadas para o tratamento em pacientes que já tenham o quadro evoluído. Acontece que, como a córnea esta “troncha”, a modo grosso, podemos dizer que as lentes ajudam a corrigir esta deformidade, “colocando-a em seu lugar”.

As lentes esclerais são bastante confortáveis, apesar de serem bem maiores que os outros tipos. Entenda: a grande vantagem das lentes esclerais são o fato de “não se apoiarem na córnea”, mas sim na esclera, tecido fibroso externo que reveste o seu globo ocular. A principal característica da córnea, que tem a função de “lentes dos olhos”, é de permanecer transparente.

Nada de dedo no olho!

Além de anti-higiênico, o hábito de coçar os olhos constantemente não é nada bom! Como vimos acima, este é um dos principais fatores apontados como causadores do ceratocone. Se você sofre por conta de alergias e sempre fica com os olhos irritados, procure ajuda de seu oftalmologista para a prescrição de colírios específicos que tratarão desses sintomas. Sabemos o quão ruim e incômodo podem ser esses sintomas alérgicos, mas é sempre bom lembras: nada de mão nos olhos!

Compartilhe essa informação com seus amigos e colegas!

Abraços e até a próxima.

AGENDE HOJE SUA CONSULTA!

 

4 respostas
  1. Maria says:

    Minha filha tem ceratocone bilateral avançado evoluindo com alto grau de miopia, usou a lente rígida por 15 anos, mas não consegue mais adaptar esse tipo de lente. Fazia tratamento no Instituto Benjamín Constant, mas infelizmente fechou justamente quando ia testar a lente escleral. Ela precisa com urgência de um especialista nesta área, pois além de não enxergar, ela sente muita dor nas vistas. Como faço pra ela fazer o teste da lente escleral com vcs? Qual o valor da lente escleral?

    Responder
    • Clínica de Olhos Fernandes says:

      Boa noite, Maria! Agradecemos o seu comentário. Somos especialistas em Ceratocone e gostaríamos de ajudar. Enviaremos um contato em breve com mais informações.

      Abs,
      Clínica de Olhos Fernandes.

      Responder

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *