Catarata: Causas, Sintomas e Tratamentos

Catarata: Causas, Sintomas e Tratamento

Quais são as causas da catarata?

O diagnóstico mais comum de causa de catarata é o envelhecimento da lente natural do olho, que atribui a doença a questão da idade do paciente. Geralmente, a partir dos 60 anos, as dificuldades para visibilidade ficam mais notórias por conta do desenvolvimento mais agressivo da opacidade do cristalino. Além da opacidade, a catarata afeta seriamente a acuidade visual. Essa é a Catarata Senil ou por idade.

Outra causa é pela existência do diabetes. A opacidade do cristalino de um diabético evolui muitas vezes mais rapidamente do que comparado a um paciente sem a doença. O diabetes é uma doença que altera o metabolismo do corpo humano, e influencia o órgão ocular. É comum que os diabéticos percam a visão por conta da falta de atenção no controle da doença, afetando diretamente os olhos.

Se a catarata for diagnosticada em um recém-nascido, a causa pode ter fundamento hereditário ou tanto em defeitos na gestação, quanto na conduta do nascimento. É uma catarata de causa rara e o ideal é tratá-la logo nos primeiros meses de vida para que as chances de cura aumentem.

A catarata também pode ser estimulada por conta da poluição da área ocular (substâncias do dia a dia que entram em contato com os olhos); pelo uso de produtos tóxicos como a nicotina, o álcool; pela má alimentação da pessoa ao longo da vida; por uso de medicamentos a longo prazo, como corticoides. Esta última é denominada de Catarata Medicamentosa.

Os sintomas da catarata

Os principais sintomas da catarata são: dificuldade para enxergar por conta da visão embaçada; aumento do grau ocular em curtos períodos; ver as cores desbotadas ou luzes ao redor de pontos luminosos, como lâmpadas, faróis; maior sensibilidade à luz e a visão dupla.

Como é o Tratamento para a Catarata?

O tratamento é a cirurgia de catarata: atua na troca do cristalino por uma lente intraocular e melhorar a visão. Cada paciente, examinado pelo oftalmologista, receberá o procedimento adequado para a cura da doença. Como é uma doença progressiva, a tendência é que o paciente necessite da cirurgia em algum momento da sua vida.

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *